Dívida pública recuou 200 milhões em Dezembro

Citamos

Económico

A dívida pública recuou no final do ano, já depois de incorporados os custos do Banif.

A dívida pública na óptica de Maastricht – a que conta para Bruxelas – diminuiu 200 milhões de euros em Dezembro, mostram os dados publicados hoje pelo Banco de Portugal (BdP).

O valor final de 231,05 mil milhões de euros conta com os custos do Banif, uma vez  que foram incorporados 700 milhões de euros de títulos de dívida emitidos pela Oitante, a entidade que foi criada para agrupar os activos do Banif que não foram transferidos para o Santander.

Os valores em percentagem do PIB ainda não estão disponíveis, mas dificilmente a dívida pública terá ficado abaixo de 130% do PIB – o anterior Governo tinha como meta um rácio de 125,2% para 2015.

Para a redução da dívida pública em Dezembro contribuíram, segundo o BdP, a diminuição de 1,6 mil milhões de euros em empréstimos, que compensaram as emissões de 1,4 mil milhões de euros – a maior parte de longo prazo.

Já a dívida líquida de depósitos da Administração Central aumentou 4,1 mil milhões, para um total de 217,7 mil milhões. Aqui sim, nota-se um impacto maior da resolução do Banif, devido às “transferências de capital efectuadas pelo Estado e pelo Fundo de Resolução”, que “implicaram um aumento de 2,3 mil milhões de euros”.