Lesados do BANIF entregaram nova ação judicial impugnando deliberação do Banco de Portugal

Cerca de 100 investidores do BANIF, representados pela MRA Advogados, apresentaram ontem no Tribunal Administrativo de Círculo de Lisboa, a petição inicial de uma ação judicial em que peticionam a anulação da deliberação do Banco de Portugal, datada de 4 de janeiro de 2017, que ordena novas transferências de direitos e obrigações para o Banco Santander e para a Oitante, sem que se explique o impacto financeiro de tais medidas.

Os advogados consideram que essas medidas são ilegais e carecem de fundamento, prejudicando, de forma grave os interesses dos investidores.

Os mesmos investidores já tinham proposto, no mesmo tribunal, a ação que corre no Tribunal Administrativo de Círculo de Lisboa, sob o nº 651/16.1BELSB.

Os interessados em participar nestas ações como associados dos autores originários podem pedir em juízo a intervenção principal

Mais informação